CINCO VEREADORES DE URUOCA FOGEM APÓS DECRETAÇÃO DE PRISÃO.

CINCO VEREADORES DE URUOCA FOGEM APÓS DECRETAÇÃO DE PRISÃO.

 

Cinco vereadores do município de Uruoca, distante 293 quilômetros de Fortaleza, na região norte do Ceará, estão foragidos depois de terem a prisão temporária decretada pela Justiça. Eles foram denunciados pelo Ministério Público do Ceará (MP) por receberem propina para aprovar projetos de interesse do prefeito do município.  O pedido da Procuradoria dos Crimes contra a Administração Pública (Procap) solicita a prisão temporária, apreensão e quebra de sigilos bancário e fiscal dos cinco investigados e foi atendido pelo juiz Fábio Medeiros Falcão de Andrade em 10 de janeiro. De acordo com o promotor de Justiça Eloilson Landim,  os investigados fugiram antes mesmo dos mandados chegarem ao Ministério Público. Dentre os crimes cometidos pelos vereadores, destacam-se a de corrupção ativa e passiva. Para Eloilson Landim, “estamos diante de uma quadrilha especializada em se apropriar de dinheiro público, que por meio de ‘conluio’ entre vereadores e servidores municipais, conseguia fraudar o processo legislativo”.
A apuração preliminar feita pelo MP aponta que nos anos de 2009 a 2011 foram desviados cerca de R$ 12 mil, por ano, para cada vereador envolvido em Uruoca. A previsão é que o montante desviado seja superior, mas o valor real só poderá ser conhecido e provado após a prisão temporária, busca e apreensão e quebra dos sigilos bancário e fiscal dos envolvidos.
Lá vou eu: Eu não entendo muito de regimento interno, mas se fugiram 5, já dá pra fazer uma sessão itinerante. Ou não? 
 
Fonte Camocim Online
Com informações do G1CE
Postado por Genival.